Educação

16/01/2020 00:37

Quando começar a estudar para a OAB?

A aprovação no exame é essencial para que o bacharel em direito atue como advogado

Destinado aos profissionais formados e aos estudantes matriculados no 9° ou 10° semestre da graduação de direito, o exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) acontece três vezes por ano e é dividido em duas fases: uma prova objetiva e outra prático-profissional. Ele é elaborado pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

O exame é popularmente conhecido por seu nível de dificuldade. A 1ª fase possui 80 questões assertivas divididas entre 17 disciplinas. Entre elas estão filosofia, direitos humanos e ética, por exemplo. Para passar para a próxima fase, é necessário acertar pelo menos 50% da prova.

Na 2ª fase o estudante terá de responder a quatro questões dissertativas de uma única matéria escolhida no momento da inscrição. Ele também deverá elaborar uma peça profissional por escrito. Para ser aprovado, é necessário atingir, no mínimo, o conceito seis.

Quem faz faculdade de direito espera e se prepara para o exame, já que só é possível exercer a profissão dessa forma. Como é possível realizar as provas ainda durante a graduação, o momento certo de estudar vai de acordo com o aluno, mas o recomendado é que ele se dedique por, no mínimo, seis meses. A vantagem dos estudantes que iniciarem os estudos durante o curso é que podem contar com a biblioteca da faculdade para pesquisas e aprofundamento de conteúdos, além de poder tirar dúvidas com os professores.

No entanto, há quem prefira prestar o exame apenas após o término do curso para se dedicar aos trabalhos finais e cargas extracurriculares. Para decidir qual o melhor momento para iniciar os estudos, é importante analisar os planos de carreira que já estão traçados.

É recomendado analisar o edital da edição, verificar quais disciplinas estarão presentes na prova e se inscrever para começar a estudar. Definir quais são as matérias com mais facilidade e as com mais dificuldade pode ajudar a elaborar um cronograma de estudo, sendo que é importante focar onde há mais dúvidas primeiro, mas também é necessário revisar o que já se sabe, para não ter surpresas no momento do exame.

Para ajudar nos estudos, é possível olhar provas das edições anteriores, fazer simulados, exercícios, assistir a videoaulas em canais especializados em direito e acessar materiais didáticos de qualidade. Se for viável, o aluno pode reunir as principais dúvidas e tirá-las com a ajuda de um professor.


Todos os Direitos Reservados para Informa ABC

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo