Regional

06/09/2018 01:26 fonte: Metro Jornal ABC

Fraude no INSS: PF faz busca e apreensão em Ribeirão e Diadema

A Polícia Federal cumpriu mandado de busca e apreensão em Ribeirão Pires e Diadema ontem pela Operação Recidiva, que desarticulou uma quadrilha que fraudava concessão de benefícios do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e ameaçava servidores públicos. A ação também prendeu um suspeito em Praia Grande, Baixada Santista, e outro em Aguai, no interior do estado. Um deles é considerado o líder da quadrilha.

É a segunda vez que a polícia age contra o grupo. Em abril deste ano, durante a Operação Púnico, os agentes já haviam prendido três pessoas, inclusive um técnico do INSS. No entanto, as ameaças contra servidores públicos que tentavam barrar o esquema continuaram mesmo após a primeira operação.

De acordo com o inquérito de abril, desde dezembro de 2016 a quadrilha acessava os sistemas do INSS e acrescentava benefícios previdenciários fraudulentos, como auxílio-reclusão para familiares de presos que não tinham direito à assistência.

Na ocasião, as fraudes eram realizadas em agências de Santo André e São Caetano. As investigações que desencadearam as duas operações da Polícia Federal tiveram início depois que servidores públicos sofreram ameaças de agressão e morte. Eles teriam cortado o acesso aos sistemas de uma das pessoas que participavam do esquema.

Os investigados responderão por estelionato, ameaça e organização criminosa, com penas que variam de um mês a 13 anos de prisão.  

 


RECEBAINFORMATIVOS

Receba novidades sobre vagas de emprego e notícias do site em seu e-mail

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.
Copyright 2010-2017 INFORMA ABC © Todos os direitos reservados.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo