Regional

10/03/2019 22:20

Paranapiacaba receberá mais viagens do Expresso Turístico

Serviço da CPTM, antes oferecido somente aos domingos, também estará disponível um sábado por mês; novidade visa atender alta demanda de turistas que desejam visitar a vila ferroviária

A partir deste mês os turistas terão mais oportunidades de chegar a Paranapiacaba com o Expresso Turístico. A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) decidiu ampliar o número de viagens para a vila ferroviária, devido à alta procura. Antes disponível somente aos domingos, o serviço agora também será oferecido um sábado por mês.
A primeiras viagens extras ocorrerão nos dias 9 de março e 13 de abril. Nos meses de junho e julho, quando acontece o Festival de Inverno de Paranapiacaba, o número de viagens também aumentará. No total serão seis viagens a mais: três em junho e três em julho.
"A ampliação do Expresso Turístico de Paranapiacaba é uma grande conquista para a nossa gente e reflete no trabalho de valorização e resgate de importantes símbolos da cidade, como a vila histórica, que também passa por revitalização. Mais uma importante parceria com o Governo do Estado, para desenvolver cada vez mais o potencial turístico de Paranapiacaba", afirmou o prefeito Paulo Serra.
De acordo com a CPTM, a decisão de ampliar o número de viagens ocorreu porque Paranapiacaba é o destino mais procurado pelo público, o que cria uma fila de espera para quem quer ir à Vila com o trem. Em 2018, 8.673 pessoas embarcaram rumo à Vila aos domingos. No mesmo período a cidade de Jundiaí, que recebe o Expresso Turístico três sábados a cada mês, atraiu 4.044 visitantes. Mogi das Cruzes, que conta com uma viagem aos sábados por mês, somou 458 passageiros.
“A medida experimental está baseada no número de passageiros transportados em cada um dos roteiros”, explica o gerente de Comunicação da CPTM, Sergio de Carvalho Junior. “Diante da procura intensa, que chega a dois meses de espera, a Companhia decidiu experimentar esse novo modelo operacional, com foco na grande demanda de Paranapiacaba", explicou.
O bilhete unitário para a viagem a Paranapiacaba tem o valor de R$ 50, para quem embarca na estação da Luz. É possível também pegar o trem na Estação Prefeito Celso Daniel-Santo André, ao custo de R$ 44. Os descontos podem chegar até 25% na compra de quatro passagens. O bilhete é vendido das 9h às 18h, todos os dias, nas bilheterias das estações da Luz e Prefeito Celso Daniel-Santo André.
O embarque ocorre às 8h30 da plataforma 4 da Estação da Luz e o retorno às 16h30. São 174 poltronas para acomodar confortavelmente os turistas, além de espaço reservado para cadeira de rodas (com cinto de segurança e ancoragem da cadeira). Os interessados podem obter mais informações e conferir a abertura de novas datas para viagens no site: http://cptm.sp.gov.br/sua-viagem/ExpressoTuristico/Pages/Vagas-e-Calendario.aspx.
Atrações históricas e naturais – Ao chegar à Vila de Paranapiacaba, considerada patrimônio histórico nacional, o visitante conta com série de atrações históricas e naturais para conhecer. Uma delas é a Casa da Família Ferroviária, que reconstitui uma casa da década de 1930 está localizada na avenida Fox, 438 (ingresso R$ 3, com visita guiada). Para quem busca contato com a natureza, a opção é o Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba. O local conta com seis trilhas que podem ser feitas com acompanhamento de monitores credenciados. A partir de R$ 25 por pessoa. Atendimento no Centro de Visitantes, na Rua Direita, s/n.
Outra atração da vila é a Feira Caminhos do Cambuci, com produtos e artesanatos produzidos com o fruto típico da Mata Atlântica, no Antigo Mercado. A vila oferece ainda série de serviços de alimentação, cafés e artesanato, entre outros. Mais informações em: http://www2.santoandre.sp.gov.br/index.php/paranapiacaba.
10 anos de operação - Em abril, o Expresso Turístico completará 10 anos de operação. Segundo dados da CPTM, neste período 142.712 turistas tiveram a oportunidade de viajar pelos três trajetos. A viagem é feita em dois carros de passageiros de aço inoxidável cedidos pela Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF). Eles são conduzidos por uma locomotiva diesel, modelo Alco RS-3, fabricada em 1952. São realizadas viagens para Jundiaí, Mogi das Cruzes e Paranapiacaba.


RECEBAINFORMATIVOS

Receba novidades sobre vagas de emprego e notícias do site em seu e-mail

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.
Copyright 2010-2017 INFORMA ABC © Todos os direitos reservados.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo