Saúde

07/10/2019 00:18 *Esta reportagem foi produzida por estagiários do Curso de Jornalismo da Universidade Metodista de São Paulo

Número de mortes causadas pela poluição aumenta nos últimos anos

Segundo pesquisa coordenada pelo Instituto de Física da USP, os ônibus e caminhões são responsáveis por metade da emissão de poluentes em São Paulo
 A poluição atmosférica é um problema constante enfrentado pela sociedade moderna. Segundo um estudo do Ministério da Saúde, o número de mortes causadas pela poluição do ar aumentou 14% nos últimos 10 anos.

Poeira, fumaça, dióxido de carbono. Esses são alguns dos poluentes atmosféricos que estão presentes no dia a dia das pessoas que vivem em uma cidade grande, como São Bernardo.

Uma pesquisa coordenada pelo Instituto de Física (IF) da USP revelou que caminhões e ônibus são responsáveis por metade da poluição do ar no estado de São Paulo.

A bibliotecária Mônica de Lima, 48, utiliza o transporte público para chegar ao trabalho e admite que já sofreu com a poluição. "Eu percebo a poluição do próprio ônibus que pego. Já aconteceu de o caminhão do lado soltar uma fumaça bem escura, que entrou dentro do ônibus e as pessoas começaram a tossir".

Apesar das emissões originadas pelas fontes móveis (veículos leves e pesados) serem os principais poluentes, as fixas (indústrias) também contribuem com a poluição, principalmente na região do ABC, onde existe o polo petroquímico.

Para o ambientalista e professor universitário Carlos Henrique, São Paulo possui uma característica natural, como o relevo e os eventos meteorológicos, responsáveis por ampliar os efeitos negativos da poluição.

Mas, por outro lado, o ambientalista ainda aponta alternativas para reduzir esses problemas, como "ampliação da arborização urbana, malha cicloviária e o incentivo ao uso de meios de transporte", entre outras medidas.

O médico do trabalho Fábio Auge, 61, explica que os efeitos da poluição variam para cada um, uma vez que, depende do poluidor e também da defesa individual do corpo. "Se você é portador de uma asma e recebe uma carga poluidora, pode ser que piore. Ou, por exemplo, se a pessoa tiver imunidade baixa ou consumir bebida alcóolica, sofre mais".

Segundo o médico, não há segredos para buscar a prevenção. "É necessário identificar a fonte de poluição e se afastar. Deixar a janela de casa aberta para o ar circular e ligar o ar condicionado quando sair com o carro também ajudam", esclarece o especialista.

 


RECEBAINFORMATIVOS

Receba novidades sobre vagas de emprego e notícias do site em seu e-mail

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita.
Copyright 2010-2017 INFORMA ABC © Todos os direitos reservados.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo